quarta-feira, 10 de junho de 2020

Em plena pandemia, padre de Itaporanga renuncia vocação ao sacerdócio para poder casar



“Já renunciei, já assinei lá os documentos. O bispo aceitou com muito coração, com muito amor e ele até vai me ajudar para eu terminar minha casa”, disse o padre Quirino em áudio sobre a renúncia. (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

O padre Quirino Pedro Cirilo, da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Itaporanga, no Sertão paraibano, vai se afastar do sacerdócio para se casar com uma mulher. Ele comunicou, nessa segunda-feira (8), o seu afastamento ao bispo diocesano Dom Francisco de Sales.

Em áudio compartilhado nas redes sociais, o padre Quirino comentou a decisão. “Eu renunciei à minha vida sacerdotal. Agora eu vou viver com uma companheira, viu? Se Deus quiser e Nossa Senhora. Já renunciei, já assinei lá os documentos. O bispo aceitou com muito coração, com muito amor e ele até vai me ajudar para eu terminar minha casa.”

Uma carta de despedida deve ser lida na quinta-feira (11), dia de Corpus Christi, em uma celebração no Paróquia de Nossa Senhora da Conceição.

Padres podem se casar depois de entrar para o sacerdócio, desde que renunciem à vida sacerdotal. A renúncia ao cargo na Igreja Católica envolve trâmites, inclusive, em contato com o Vaticano.

Nenhum comentário: