quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Morre ex-prefeito que matou filho ao confundi-lo com assaltante


O ex-prefeito de Baraúna, Adilson Azevedo, faleceu nesta terça-feira (6), na cidade de Campina Grande, na Paraíba. Adilson estava internado em um hospital na cidade de Campina Grande, mas a causa da morte não foi informada.
Em novembro do ano passado, Adilson matou o filho Alyson Azevedo, depois de confundi-lo com um assaltante. Alyson foi até a casa do pai, depois de ser chamado por vizinhos para apagar um princípio de incêndio causado por uma panela de pressão que Adilson colocou no fogo, esqueceu e foi dormir.
O pai acreditava que estaria sendo vítima de um assalto e disparou uma arma de fogo contra o filho.
Adilson entrou na política em Baraúna em 1996 como vice-prefeito. Em 1998 assumiu a Prefeitura Municipal após a cassação do então prefeito Severino Gomes. Em 2000 Adilson foi eleito e governou até 2004.
Nos anos seguintes seu filho Alyson Azevedo também administrou o município por dois mandatos.

Nenhum comentário: