sexta-feira, 31 de maio de 2019

Foi condenado a 40 anos por degolar duas crianças


Adroaldo Félix da Silva, o “monstro de Delmiro”, foi condenado a 40 anos e sete meses de reclusão pelo assassinato da filha de três anos e o cunhado, de oito anos. O julgamento aconteceu na terça-feira (28), na Comarca de Delmiro Gouveia.
O crime aconteceu em 26 de junho de 2011 na cidade de Delmiro Gouveia, Sertão de Alagoas. A esposa e mãe da menina haviam saído para realizar uma prova de concurso público. Nesse momento ele assassinou as crianças a facadas. A arma usada era uma “faca peixeira”. Ele degolou as crianças.

Nenhum comentário: