Citado na delação premiada da Odebrecht, o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), afirma que recebeu doações da empresa, mas todas l...

Pernambucanos citados pela Odebrecht alegam inocência

quinta-feira, abril 13, 2017 Marcelo Santa Cruz 0 Comentários


Resultado de imagem para vergonha
Citado na delação premiada da Odebrecht, o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), afirma que recebeu doações da empresa, mas todas legais e previstas em lei.
 
“De acordo com a legislação eleitoral, solicitei doações para diversas empresas, inclusive a Odebrecht, como já foi anteriormente noticiado. O sistema democrático vigente estabelecia a participação de instituições privadas por meio de doações. Mantive uma relação institucional com todas essas empresas. “Em todo o meu mandato, sempre atuei em prol de interesses coletivos. Atuei de acordo com a minha consciência”, disse o pernambucano em nota.
 
Outro pernambucano citado na lista, o senador Humberto Costa (PT), disse que já quebrou o sigilo bancário e aguarda o final do inquérito começar a defesa. “O senador Humberto Costa (PT-PE) – que espera a conclusão de inquérito aberto há mais de dois anos pelo STF, e para o qual a Polícia Federal já se manifestou em favor do arquivamento – aguarda ter acesso aos novos documentos para reunir as informações necessárias à sua defesa. O senador, que já abriu mão de todos os seus sigilos, se coloca, como sempre o fez, à disposição das autoridades para todos os esclarecimentos necessários”, disse a assessoria, por nota.

0 comentários: